sexta-feira, 1 de outubro de 2010

A vitória do lulismo está garantida

Se as eleições presidenciais forem definidas este final de semana, ganha o lulismo e ganha Lula. Mesmo se houver segundo turno, qualquer resultado garante a vitória do lulismo. O lulismo vence com Lula ou contra ele.

O lulismo é um mecanismo que foi colocado em movimento com muito sucesso. É produto do carisma e do gênio político de seu criador. Vem do PT, mas ultrapassa o petismo. Tem muitos seguidores entre os trabalhadores em geral, mas sua força está na miséria dos mais pobres. Conquistou os setores populares organizados. Garantiu essa conquista através dos burocratas que dominam a maioria deles. Chegou aos cantos mais abandonados fazendo alianças com caciques regionais de sua principal máquina: o PMDB. O lulismo é o uso da estrutura governamental para manter a paz social que interessa aos de cima.

O lulismo são programas sociais limitados aplicados com eficiência. É a recuperação do salário mínimo, muito abaixo do necessário, ainda que acima do esperado. É a vitória da conciliação de interesses que só podem ser conciliados com a condição de que um lado seja derrotado.

O lulismo é a derrota da reforma agrária e de medidas democráticas radicais. É a manutenção de uma estrutura social injusta. É o convívio pacífico com velhas e novas lideranças da classe dominante. São os lucros inéditos de banqueiros e empresários. É o respeito ao sagrado direito capitalista de explorar gente e destruir a natureza.

O lulismo tornou-se necessário aos ricos e poderosos contra sua vontade. Por isso, querem se livrar dele o quanto antes. Derrotar o lulismo só interessa, mesmo, aos lutadores populares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário