segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Tira os tubos!

O jornal O Dia trouxe a seguinte matéria, em 29/07: “Com rara amnésia, mulher de 32 anos acorda pensando ter 15”. Segundo a notícia, a inglesa Naomi Jacobs sofreu “um choque provavelmente gerado por estresse”.

Seu cérebro apagou parte de sua vida. Lembranças, só até 1992. Google, You Tube, Facebook, guerra ao terror, os ataques às Torres Gêmeas. Tudo esquecido. Imaginem o choque.

“Tira os tubos”. Esta era a frase típica de um famoso personagem de Jô Soares, em um programa de TV nos anos 80. Tratava-se de um general recém saído de um coma. Ficara muitos anos inconsciente e não acompanhara as mudanças no país.

Ao saber que os militares já não estavam no poder, que o presidente era civil, ele passa mal. Mas, quando descobre que o presidente era um político que sempre apoiara a ditadura, não entende nada. Sarney presidente era demais para ele. Grita: “Tira os tubos, tira os tubos!”, referindo-se aos aparelhos que o mantém consciente. Quer voltar para a paz de seu estado de coma.

E se Noemi fosse brasileira? Em 1992, estávamos arrancando Collor do poder. CUT, PT, UNE à frente do movimento. Agora, em 2011, Noemi encontraria uma mulher presidenta da República. Eleita pelo PT e apoiada por CUT, UNE e outros movimentos. E também por Collor, Sarney, Maluf, PDMB!!

Tem mais. O presidente americano é negro. Estados Unidos e vários países europeus estão atolados em dívidas. O valor do dólar despenca. E adivinhe quem pode salvar o capitalismo? A China, chefiada pelo Partido Comunista. O que ela diria?

“Tira os tubos!”, claro.

Leia também:
McDonalds “mais saudável” e terrorista?
Dólares, dívidas e calote argentino

Nenhum comentário:

Postar um comentário